in ,

Como lidar com uma pessoa tóxica (de acordo com o budismo)

Como lidar com uma pessoa tóxica (de acordo com o budismo)
Compartilhar no whatsapp
Compartilhe Se Gostou!
Compartilhar no facebook
Compartilhe no Facebook!

Pessoas tóxicas. Todos nós conhecemos gente assim e, infelizmente, muitos de nós temos que lidar com algumas regularmente. Isso pode te deixar emocionalmente exausto, sabemos..

Algo que quase todos nós pensamos em algum momento é: Qual é a melhor maneira de lidar com pessoas assim? Olho por olho, dente por dente ou simplesmente ignorar?

Bom, de acordo com a sabedoria da filosofia oriental do budismo, nenhuma dessas estratégias seria o melhor caminho. Em vez disso, uma técnica melhor é praticar o que o budismo chama de bondade amorosa.

Essa é uma técnica que eu pessoalmente tentei nos últimos meses e acho que é altamente eficaz, não apenas para lidar com pessoas tóxicas, mas também para proteger minha saúde emocional.

Abaixo, te conto o que é a bondade amorosa na teoria e na prática e por que ela pode ajudar a lidar com pessoas tóxicas.

Quatro aspectos necessários ao lidar com pessoas tóxicas

Tradições religiosas de todo o mundo – incluindo o budismo e o cristianismo – possuem lições que muitas vezes podem parecer sem sentido, pregando compaixão e perdão a quem não faz o mesmo por você.

Por que devemos amar quem não nos ama ou não desejar que nada ruim ocorra? Por que deveríamos desejar sucesso quando isso pode muito bem incluir nos atacar?!

Do ponto de vista budista, existem várias explicações para a liminar de desejar bem às pessoas tóxicas e negativas.

Como lidar com uma pessoa tóxica (de acordo com o budismo)

Primeiro, não adianta manter raiva ou ressentimento, mesmo que a outra pessoa mereça.

Carregar inimizade por outra pessoa leva a tensão e infelicidade dentro de você; portanto, é melhor deixar de lado os ressentimentos, mesmo que seja apenas para se preservar.

Segundo, aprecie as oportunidades que essas pessoas te oferecem para praticar sua paciência e bondade. 

Não há nada desafiador ou incomum em tratar as pessoas que você ama gentilmente – isso ocorre naturalmente. As pessoas de quem você não gosta, no entanto, dão a você a chance de aprofundar essa prática. Que mal pode fazer multiplicar amor?

Terceiro, se questione por que você não gosta dessas pessoas. 

Elas são rudes, grosseiras, egoístas ou orgulhosas? Provavelmente, essas características desagradáveis ​​resultam de vários problemas em suas próprias vidas. Talvez sejam rudes e impacientes porque odeiam seu trabalho; talvez se gabem das coisas porque são profundamente inseguros sobre si mesmos e tem a necessidade de se autoafirmar.

De qualquer forma, desejando que seus “inimigos” estejam bem, felizes e em paz, desejando que eles não encontrem dificuldades ou problemas, você move uma energia que remove as condições que os tornaram inimigos em primeiro lugar.

Praticamente falando, se todos os seus inimigos estivessem bem, felizes e em paz, eles não seriam seus inimigos. Se estivessem livres de problemas, dor, sofrimento, aflição, neurose, paranóia, medo, tensão, ansiedade e etc, não seriam seus inimigos. Gente em paz não faz inimigos, convive pacificamente com o resto do mundo.

Em outras palavras, praticando bondade amorosa até com pessoas de quem você não gosta, ajuda a criar um mundo melhor, mais feliz e pacífico para todos.

Se essa prática te parece muito difícil de ser colocada em prática, a sugestão é incorporar à sua prática diária de meditação.

Como lidar com uma pessoa tóxica (de acordo com o budismo)

Quarto, lembre que você vê pessoas e situações hostis apenas da sua perspectiva e não conhece toda a história.

Você está aberto à possibilidade de ter interpretado algo errado ou julgado mal as ações de outra pessoa? Você já pré-julgou alguém a partir de um pouco de percepção pessoal demais? E mesmo que você esteja convencido da sua justiça, você está pelo menos aberto à ideia de que responder raiva com raiva não ajuda a melhorar a situação?

Como identificar pessoas tóxicas para que você possa mantê-las fora da sua vida

Se você está tentando mudar as coisas na sua vida e ser uma pessoa mais positiva, verá que essas pessoas tóxicas aparecem do nada direto para o centro das nossas vidas.

Depois de passar para um estilo de vida com foco positivo, você notará que pessoas tóxicas não têm idéia de como elas são destrutivas em suas próprias vidas e na vida das pessoas ao seu redor. Elas podem interferir no seu caminho, esse caminho que você teve tanto trabalho para construir, superando a toxicidade da própria vida mas não, você não vai se permitir voltar a uma vida repleta de negatividade e desespero.

Para manter as pessoas tóxicas fora da sua vida, você precisa reconhecê-las.

Aqui estão algumas coisas que acredito constituírem uma pessoa tóxica:

1 Destaque a todo custo

Pessoas tóxicas gostam de estar no centro das atenções, mas não de um jeito bom. Eles interrompem qualquer um e todos para serem ouvidos.

Elas criam suas próprias palavras e garantem que as pessoas ouçam sobre si mesmas o tempo todo. Podem tentar te corrigir ou anular.

Não querem saber da sua vida. Pessoas tóxicas só querem ser ouvidas, a qualquer custo.

2. Absurdamente controladoras

Se você tem alguém na sua vida que precisa controle em absolutamente tudo, é provável que tenha alguma forma de toxicidade na sua própria vida.

Pessoas tóxicas usam mecanismos de controle como uma forma de controlar as pessoas ao seu redor porque elas não têm controle sobre suas próprias vidas.

3. Falsa positividade

Sem dúvida pessoas tóxicas pregam uma positividade que não têm de verdade. 

Como diz o ditado, essas têm um problema para cada solução. Dizem te apoiar, mas ao contar qualquer situação, contam outra considerada pior, como uma competição. É exaustivo estar perto dessas pessoas por qualquer período de tempo.

Como lidar com uma pessoa tóxica (de acordo com o budismo)

4. Extremamente dramáticos

Pessoas tóxicas adoram dramatizar tudo, desde as compras até o rompimento de um relacionamento. Se fazer de vítima é sua especialidade.

Adoram também dizer às pessoas como nada é culpa delas e como tudo o que acontece com elas foi causado pela incompetência de outra pessoa. Soa familiar?

5. Julgam e condenam

Um mecanismo de defesa que as pessoas tóxicas usam é julgar outras pessoas incansavelmente.

Essa é uma tática de distração para seus próprios problemas, apontar as falhas de outras pessoas. Julgam abertamente as pessoas sem desculpas e tendem estabelecer vereditos também.

São as pessoas que mais usam a palavra “deveria”. “Ela deveria deixar ele”, “ele deveria conseguir um emprego melhor” e toda essa baboseira.

Gostam de dizer às outras pessoas o que fazer e decidir quando estão certos ou errados.

6. Mentirosos compulsivos

Às vezes você não vê pessoas tóxicas pelo que elas são, porque são muito boas em mentir sobre quem realmente são.

Se esforçam para impedir que você descubra a verdade porque o mundo que elas criaram é aquele em que querem viver. Para controlar as percepções, mentem sobre tudo e qualquer coisa. Às vezes, mentem tanto que nem percebem que estão mentindo.

Como lidar com uma pessoa tóxica (de acordo com o budismo)

7. Arrogância e soberba

Alguém que é tóxico pensa que é extremamente inteligente, que têm mais a oferecer do que todas as outras pessoas.

Fazem o possível para atrair atenção e se beneficiam das consequências. Às vezes, as pessoas tóxicas são chamadas de tanques porque movem pessoas, coisas e oportunidades para conseguir o que querem.

Use do princípio budista da bondade amorosa ao ficar exposto a pessoas tóxicas na vida. Sorria e continue com a sua felicidade. Nenhuma pessoa assim vale sua paz.

Você não pode consertar essas pessoas, não desperdice tempo tentando. Cuide de você.

O que você achou?

0 points
Upvote Downvote
Meditação para iniciantes: 7 dicas para quem diz que não consegue meditar

Meditação para iniciantes: 7 dicas para quem diz que não consegue meditar

Meditação do sono: 10 passos para um descanso tranquilo

Meditação do sono: 10 passos para um descanso tranquilo